Páginas

quinta-feira, 9 de agosto de 2018

ATAQUES COM EXPLOSÕES A BANCOS NO RN JÁ SOMAM 35 NESTE ANO DE 2018

 
Foto/Reprodução
Os ataques com explosões contra agências bancárias ou carros-fortes, já somam 35 casos no Rio Grande do Norte somente nesse ano de 2018. Alguns desses ataques terminaram por bandidos não conseguirem levar dinheiro das instituições financeiras.

O caso mais recente, ocorreu no último dia 02, em Almino Afonso, onde criminosos utilizando explosivos atacaram uma agência do Bradesco naquela cidade, porém, não conseguiram levar o dinheiro.

De acordo com a Polícia Civil, os modos de agir das quadrilhas são sempre parecidos e atuam durante a madrugada fortemente armados.  Além de explodirem agências, os grupos criminosos metralham delegacias e bases militares e ainda jogam grampos pelas estradas para impedir perseguições policiais e consequentemente a capturas dos assaltantes.

As explosões de instituições financeiras acabam deixando a população no prejuízo que ficam sem atendimento bancário.



Assaltos a bancos por cidades
1 – Extremoz (02/01) – tentativa de arrombamento em caixa eletrônico da Caixa)                                                                   
2 – Mossoró (08/01) – explosão a caixas eletrônicos do Banco do Brasil e da Caixa, no centro administrativo. Dinheiro não     foi levado)                                                                                                                                                                              3 – Santo Antônio (15/01 – explosões nos bancos do Brasil e do Nordeste)                                                                           
4 – Martins (15/01 – explosão no Banco do Brasil)                                                                                                                     
5 - Parnamirim (22/01 – arrombamento em terminal de um posto em Pium)                                                                           
6 – Natal (28/01 – arrombamento em terminal de farmácia em Cidade da Esperança, zona Oeste;                                                 
 13/02 – arrombamento na Caixa da Deodoro da Fonseca; uso de maçarico no Banco do Brasil da Afonso Pena e Campos Sales;                                                                                                                                                                                   16/02 – roubo na agência do Banco do Brasil da avenida Jaguarari;                                                                                          
 03/06 – arrombamento de terminal eletrônico em agência do Banco do Brasil/Neópolis;                                                     
 13/07 – arrombamento de terminal de autoatendimento do Banco do Brasil na Av. Prudente de Morais;                                
 16/07 – tentativa de roubo do cofre de um agência do Bradesco em Candelária no qual bandidos levaram as armas dos vigilantes;                                                                                                                                                                                  
  01/08 – arrombamento do terminal de auto atendimento da agência do Banco do Brasil na BR-101);                                   
  07/08 – arrombamento com maçarico na agência do Banco do Brasil na Av. Roberto Freire)                                       
7 – São Tomé (30 e 31/01 – explosões no Bradesco e Caixa Econômica)                                                                                 
8 – Caraúbas (13/02 – vandalismo no Banco do Brasil)                                                                                                               
9 – São Gonçalo do Amarante (09/03 – explosão em caixa eletrônico da Caixa em supermercado no distrito Santo Antônio do Potengi;                                                                                                                                                                             
16/05 - explosão no Banco do Brasil, bandidos levaram parte do dinheiro)                                                            
10 - Ceará-Mirim (28/03 – ações criminosas nas agências do Banco do Brasil, Bradesco e Caixa;                                                         
07/06 – arrombamento de cofre em casa lotérica)                                                                                                         
11 – Antônio Martins (06/04 – explosão no Bradesco)                                                                                                           12 – Felipe Guerra (06/04 – uso de maçarico em agência não informada)                                                                               
13 – Assu – (30/04 - Assalto a carro forte na BR-304, nas proximidades do estado. Após o roubo, bandidos atearam fogo no veículo)                                                                                                                                                                               
14 – Angicos – (07/06 – arrombamento agência BB)                                                                                                               
15 – Lagoa Salgada – (07/06 – ação criminosa nada foi levado da agência Bradesco)                                                               
16- Canguaretama (07/07 – tentativa de arrombamento da agência Bradesco do município)                                               
17-Macaíba (12/07 explosão a uma agência do Banco do Brasil;   

01/08 – bandidos usaram um automóvel para derrubar porta de casa lotérica, porém não conseguiram vencer a blindagem do acesso aos valores pleiteados)                                                                                                                               
18– Goianinha (02/08 – quadrilha fez cerco na cidade, roubou dinheiro de vários terminais e logo após destruiu a agência da Caixa)     

19 – Almino Afonso (03/08 – quadrilha explodiu cofre de agência do Bradesco  na cidade, por volta das 3h, mas a explosão não atingiu o compartimento interno onde o dinheiro fica armazenado e nada foi levado)Assaltos a carros-forte por cidades


Fonte: Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário