Páginas

quarta-feira, 10 de abril de 2019

NO TWITTER, DEPUTADO WALTER ALVES ANUNCIA ROMPIMENTO POLÍTICO COM HENRIQUE ALVES

O deputado federal Walter Alves (MDB) revelou nesta quarta-feira, 10, através das redes sociais, o rompimento político com o primo, ex-ministro e ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves.
Através do Twitter, Walter Alves responde a um questionamento do atual prefeito de Coronel Ezequiel, Cláudio Marques de Macêdo, o Boba, também do MDB, sobre um possível retorno de Henrique Alves aos quadros do diretório estadual da legenda no Rio Grande do Norte.
Walter Alves respondeu que ele e o pai, o ex-senador Garibaldi Alves Filho, caso Henrique Alves consiga retornar para o diretório, deixariam o partido imediatamente. “Inclusive, comunicamos à direção do MDB nacional, que, caso o senhor Henrique Alves, com quem não tenho relação pessoal e política há anos, venha assumir a legenda, Garibaldi e eu deixaremos o partido”, escreveu ele. 


No último domingo, 7, Henrique Alves publicou uma carta o jornal Tribuna do Norte, após uma longa temporada em silêncio, onde abordou questões relacionadas com as ações judiciais em que está hoje implicado – operações “Manus” e “Lavat”. Ele diz, ao longo do texto, que todas as acusações contra ele “são absurdas”.
Ao fim da carta, onde se diz um “vencedor”, Henrique Alves escreveu que a “luta ainda continua”. A mensagem suscitou uma série de questionamentos sobre um suposto retorno do ex-deputado às disputas partidárias.
Henrique Alves ainda não se manifestou sobre o teor da mensagem do primo emedebista. No entanto, também nas redes sociais, a jornalista Laurita Arruda, atual mulher do ex-deputado, escreveu no Twitter: “a ingratidão é o mais pobre dos estados de espírito”.    


Nenhum comentário:

Postar um comentário