Páginas

terça-feira, 18 de junho de 2019

CHUVAS FICAM 12% ACIMA DA MÉDIA NOS CINCO PRIMEIROS MESES DO ANO NO RN

Chuva Natal — Foto: Heloísa Guimarães/Inter TV Cabugi
As chuvas registradas de janeiro a maio de 2019 no semiárido potiguar ficaram 12,1% acima da média histórica para o período, de acordo com a análise pluviométrica elaborada pela Gerência de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) ficaram acima da média, em 12,1%. 

“A chuva esperada para o período era de 587 mm, enquanto que a registrada foi de 658 mm", apontou o meteorologista, Gilmar Bristot. Nos últimos sete anos, o estado vinha registrando um volume de chuvas abaixo da média. Mesmo diante de um novo cenário, o estado ainda tem 148 municípios em situação de emergência por causa dos efeitos da seca. 

De acordo com a Emparn, as chuvas dos cinco primeiros meses do ano foram ocasionas pela atuação de vários sistemas meteorológicos. As condições térmicas das águas superficiais do Oceano Atlântico, mais aquecidas na parte Sul e mais frias do que o normal na bacia Norte, também foram fatores que influenciaram diretamente na ocorrência das precipitações, de acordo com as análises.

Nenhum comentário:

Postar um comentário