Páginas

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

PREFEITO DE SANTO ANTÔNIO VEM RESISTINDO A RECOMENDAÇÃO DO MPRN E ATÉ AGORA NÃO REGULARIZOU A GUARDA MUNICIPAL

Prefeito de Santo Antônio, Josimar Ferreira (Foto/Joel Rei)

Parece  que o prefeito de Santo Antônio não está nem aí para cumprir a recomendação do MPRN sobre a regularização da GCM (Guarda Civil Municipal) do município. A cerca de 90 dias atrás, a excelentíssima senhora promotora de justiça da comarca de Santo Antônio, Dra Gerliana Maria expediu uma recomendação ao prefeito Josimar Ferreira para que informasse ao MPRN as providências adotadas para o cumprimento da recomendação, tendo em vista a regularização dos serviços da Guarda Municipal para assim, prestar o trabalho a toda população santo-antoniense.


Pois bem, o prazo estipulado pela promotoria foi de 30 dias para que a prefeitura pudesse remeter informações dos andamentos das medidas adotas, não se sabe se a prefeitura já emitiu as informações a promotoria sobre o caso, o que se sabe é que já se passaram aproximadamente 90 dias e nada de regularizar a Guarda Municipal de Santo Antônio, desta forma o prefeito vai empurrando com a barriga como diz o ditado e os servidores não podendo exercer suas funções, deixando assim, os bens públicos do município desprotegidos e ainda a população desassistida de proteção, já que a Guarda Municipal serve também como de  alternativa à segurança pública nos municípios.


Segundo informações, o efetivo da Guarda Municipal é hoje aproximadamente 12 agentes, porém não exercendo suas funções por conta da não regularização dos mesmos, pois segundo ainda informações, alguns estão sendo emprestados para outras prefeituras, pois é , pasmem, ao invés de prestarem serviço a nossa população, estão servindo em outros municípios, exercendo desvios de funções não só em Santo Antônio, como também em outras cidades, mesmo que seja com permutas.


De acordo com relatos, os funcionários por não estarem com a regularização da Guarda Municipal, trabalham e recebem como vigia, desvalorizando não só o financeiro, mais também o cargo para que foram concursados. 


A população espera que o senhor prefeito pare de empurrar esta situação e cumpra a recomendação do MPRN para  regularizar  este tão importante serviço para o município.

Veja abaixo a recomendação do MPRN a meses atrás:







  

Nenhum comentário:

Postar um comentário