BANCO DO BRASIL CONFIRMA ADESÃO DE 5.533 FUNCIONÁRIOS AO PROGRAMA DE DESLIGAMENTO



O Banco do Brasil confirmou, nesta segunda-feira (8), que 5.533 funcionários aderiram ao programa de demissão voluntária. Desse total, 4.093 (74%) deixaram a instituição financeira para se aposentarem.


O BB divulgou comunicado ao mercado no qual informou que foram validados os cortes após o fim das etapas de manifestação de interesse na demissão voluntária.A instituição financeira anunciou, no dia 11 de janeiro, dois programas para reduzir o volume de empregados. O resultado do Programa de Adequação de Quadros (PAQ) e do Programa de Desligamento Extraordinário (PDE) saiu dentro da estimativa, já que a expectativa era de cortar pelo menos 5 mil funcionários.


Quando divulgou que faria os desligamentos, o Banco do Brasil disse que o objetivo é “otimizar a distribuição da força de trabalho, equacionando as situações de vagas e excessos nas unidades do banco”.


Outros 5% dos ex-funcionários podem aderir à aposentadoria em até 3 anos, segundo o BB. “O Banco do Brasil inclui nas verbas rescisórias o valor referente ao pagamento das contribuições patronais para Cassi e Previ por esse período”, pontuou, via assessoria.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SÍTIO NOVO (RN): MUNICÍPIO REGISTRA CASO SUSPEITO DE CORONAVÍRUS; MEDIDAS JÁ ESTÃO SENDO TOMADAS

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

JOVEM EMPRESÁRIA FAZ DOAÇÕES DE CESTAS BÁSICAS PARA FAMÍLIAS CARENTES DA CIDADE DE SANTO ANTÔNIO/RN