O melhor site de apostas!

O melhor site de apostas!
Clique na imagem e vá direto ao site.

NATAL: VEREADOR DENUNCIA QUE SETURN LUCRA MAIS DE R$ 3 MILHÕES COM CARTEIRAS DE ESTUDANTE

 

DIVULGAÇÃO

Para emitir uma carteira de estudante em Natal é preciso desembolsar o valor de R$ 25, segundo o Portal do Estudante. Entretanto, a confecção destes documentos custa R$ 2,43 por unidade, o que significa um lucro de 1028% para o Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Natal (Seturn), que é o responsável pela emissão das carteiras, por meio do NatalCard. A denúncia sobre o lucro excessivo com as carteiras de estudante foi feita pelo vereador Anderson Lopes durante sessão ordinária realizada na Câmara Municipal de Natal na tarde desta quarta-feira (19). 

Durante o pronunciamento, o parlamentar relatou que o seu mandato solicitou um orçamento de 150 mil carteirinhas à empresa FormaSet, responsável pela confecção do documento, nos mesmos moldes da carteira de estudante emitida em Natal. Levando em consideração que Natal possui cerca de 300 mil estudantes entre rede pública e privada e que metade deste número costuma utilizar o documento em questão, o parlamentar fez os cálculos do lucro que o Seturn obtém com esse "serviço". 

"Nós estamos cansados de ouvir o representante do Seturn dizer que as empresas estão no vermelho e que o valor da passagem precisa aumentar. Então, fui em busca de saber sobre o lucro do Seturn com as carteirinhas de estudante aqui em Natal. Tomei o cuidado de solicitar o orçamento justamente à mesma empresa que confecciona a carteira emitida pelo Seturn para não haver discrepância de valores. Surpreso fiquei quando recebi esse orçamento e vi que a unidade do documento custa apenas R$ 2,43. Porém, essa mesma carteirinha que custa R$ 2,43 ao Seturn é repassada por R$ 25 ao estudante. Normalmente, uma média de 50% dos alunos costuma fazer essa carteira. Então, 150 mil carteiras custam efetivamente o valor de R$ 365.205,00. Mas sabe quanto o Seturn arrecada com a venda dessas mesmas carteirinhas aos estudantes? R$ 3,75 milhões. Ou seja, um lucro de quase 3,4 milhões, em que não existe a menor transparência de como é feito o repasse às entidades estidantis", informa o parlamentar, que é vice-presidente da Comissão de Transporte da Câmara Municipal de Natal. 

Atualmente, o documento é emitido pelo NatalCard, órgão vinculado ao Seturn. Já o boleto para efetuar o pagamento sai em nome do próprio Seturn. Os valores arrecadados deveriam ser repassados às entidades UNE, UBES, ANPG. Em seu discurso, Anderson Lopes lembrou ainda que, durante a gestão da ex-prefeita Micarla de Sousa, essa mesma carteirinha de estudante chegou a ser gratuita para os alunos da rede pública. "Não consigo entender porque não é da Prefeitura a responsabilidade de emitir esse documento", pontuou Anderson Lopes.


Fonte: Portal Grande Ponto

Comentários

Notícias mais lidas na semana.

GOVERNO LIBERA VAQUEJADAS NO RN ; CONFIRA AS REGRAS

SÓ ISSO PREFEITA ? LICITAÇÃO DE QUASE MEIO MILHÃO DA PREFEITURA DE LAGOA DE VELHOS/RN

14 MUNICÍPIOS DO RN REGISTRAM PIORA NA PANDEMIA ; CONFIRA LISTA DAS CIDADES EM ALERTA

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

TUDO EM CASA, EM UMA GRANDE FAMÍLIA: PREFEITO DE PASSAGEM (RN) FAZ FARRA DE NOMEAÇÕES FAMILIARES EM SUA GESTÃO

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%