RIO GRANDE DO NORTE É O 2º RANKING DE CRIMES ELEITORAIS POR NÚMERO DE ELEITOR

 


O Rio Grande do Norte é o segundo do país no ranking de inquéritos por crimes eleitorais no Brasil, quando considerada a proporção por 100 mil eleitores. Enquanto o Rio de Janeiro lidera em números absolutos (3.487 investigações, entre 2013 e 2020), unidades da Federação com menos eleitores em comparação às mais populosas assumem a dianteira proporcionalmente. 

Por esse critério, Roraima aparece em 1º lugar com 97,6 inquéritos por 100 mil eleitores, seguido pelo Rio Grande do Norte (73,4) e Acre (59,2). O levantamento foi feito por meio da Lei de Acesso à Informação (LAI) nos dados da Polícia Federal (PF).

 Dentro do universo de inquéritos, há delitos eleitorais clássicos, como a boca de urna, apontado pelos agentes como a principal conduta criminosa, até ação de grupos armados.

 Há um mês, a PF deflagrou em Roraima a Operação Déjà Vu, sobre compra de votos nas eleições de 2020. No Acre, a polícia apurou em 2016 a ação de caciques da etnia huni kuin, que proibiram a entrada em suas terras de candidatos não indígenas.



Comentários

Notícias mais lidas na semana.

CASAL COM DEFICIÊNCIA VISUAL TERÁ HISTÓRIA DE VIDA CONTADA POR PROGRAMA DA 96 FM NA SEGUNDAFEIRA (20); VEJA VÍDEO

BARCELONA (RN): CATIANO NASCIMENTO DEIXA BASE DO PREFEITO FABIANO LOPES

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

TUDO EM CASA, EM UMA GRANDE FAMÍLIA: PREFEITO DE PASSAGEM (RN) FAZ FARRA DE NOMEAÇÕES FAMILIARES EM SUA GESTÃO