DEFESA CIVIL NACIONAL RECONHECE SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA EM 18 CIDADES DO PAÍS, SENDO 6 DELAS NO RN

 A edição do Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (16) destaca o reconhecimento da situação de emergência em 18 cidades do país atingidas por desastres naturais. No Rio Grande do Norte, seis municípios foram reconhecidos pelo governo federal: Lajes, Patu, Santa Cruz e São José do Seridó, em decorrência da estiagem; Jaçanã e Serra de São Bento, o motivo foi a seca.

Sobre outras cidades, a edição destaca que a Bahia, nos municípios de Botuporã, Cafarnaum e Ibitiara, com o reconhecimento federal devido à estiagem. Outros municípios que tiveram a situação de emergência decretada pelo mesmo motivo foram Milhã e Crateús, no Ceará; Santana do Piauí, no Piauí; e Princesa e Quilombo, em Santa Catarina. No Rio Grande do Sul, o município de Cerro Branco registrou enxurradas. Por fim, as cidades de Caçador, Campos Novos e Laguna, todas em Santa Catarina, foram vítimas de vendavais, tornados e chuvas intensas, respectivamente.

Com o reconhecimento federal por meio de Portaria no DOU, o estado ou o município pode solicitar recursos para atendimento à população atingida, restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados pelo desastre.

Comentários

Notícias mais lidas na semana.

SANTO ANTÔNIO (RN): EX-PREFEITO JOSIMAR FERREIRA VAI A CÂMARA MUNICIPAL MOSTRAR A VERDADE

LAGOA DE PEDRAS (RN): PREFEITO E VICE SÃO CASSADOS E JUSTIÇA ELEITORAL DETERMINA NOVAS ELEIÇÕES

[VÍDEO] LEI SECA: BLITZ EM VAQUEJADA MULTA 67 MOTORISTAS POR EMBRIAGUEZ AO VOLANTE

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

TUDO EM CASA, EM UMA GRANDE FAMÍLIA: PREFEITO DE PASSAGEM (RN) FAZ FARRA DE NOMEAÇÕES FAMILIARES EM SUA GESTÃO