NO BRASIL, 19 MILHÕES ACORDAM SEM SABER SE VÃO CONSEGUIR ALGUMA REFEIÇÃO PARA O DIA



 Dezenove milhões de brasileiros acordam atualmente sem saber se vão conseguir alguma refeição para o dia. Dois anos atrás, eram 10 milhões. Essa situação tem levado famílias brasileiras a cenas tristes como a disputa por ossos para se alimentar. As informações são do programa Fantástico, da TV Globo.

Em Cuiabá, uma cena chama atenção: a distribuição de pedaços de ossos com retalhos de carne tem formado filas. O açougue, que distribui os ossos há dez anos, diz que isso acontecia antes apenas uma vez por semana e, agora, são três. A crise provocada pela pandemia só fez a fila crescer.

“Tem gente que pega e já come cru, ali mesmo”, se emociona Samara Rodrigues de Oliveira, dona do local.

Desde o início da pandemia, o arroz ficou 56% mais caro e o preço do feijão preto aumentou 71%. A saída para muitos brasileiros tem sido os grãos de segunda linha, como arroz fragmentado e feijão bandinha, que vem quebrados e com mais impureza.

Comentários

Notícias mais lidas na semana.

VÍDEO : FILA E DESORGANIZAÇÃO NO DIA DE MARCAÇÃO DE ULTRAS NA SECRETARIA DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE SANTO ANTÔNIO-RN

EMPRESÁRIOS SANTO-ANTONIENSES ABÍLIO E WELLINGTON DECLARAM APOIO AO DEPUTADO ESTADUAL RAIMUNDO FERNADNES PARA 2022

TRE CASSA MANDATO DO PREFEITO DE CANGUARETAMA/RN E DETERMINA ELEIÇÃO SUPLEMENTAR NO MUNICÍPIO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

TUDO EM CASA, EM UMA GRANDE FAMÍLIA: PREFEITO DE PASSAGEM (RN) FAZ FARRA DE NOMEAÇÕES FAMILIARES EM SUA GESTÃO