PESQUISA CNT/MDA: LULA LIDERA COM 41,3% , BOLSONARO TEM 26,6% ; EM 2º TURNO, PRESIDENTE PERDERIA PARA LULA E CIRO GOMES

 

(Foto: Miguel Schincariol e Evaristo Sá/AFP)



O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera o cenário eleitoral para 2022, com 41,3% das intenções de voto, segundo nova pesquisa eleitoral da Confederação Nacional do Transporte (CNT/MDA), divulgada nesta segunda-feira, 5. Na sequência, aparecem o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), com 26,6%, Ciro Gomes e Sérgio Moro empatados, com 5,9%, e João Dória, com 2,1%.

Brancos, nulos e indecisos somam 16,4% das intenções de voto. Os dados se referem à pesquisa estimulada de intenção de voto dos eleitores – quando são apresentados, ao entrevistado, opções de candidatos. Foram realizadas 2.002 entrevistas presenciais, em 137 municípios de 25 Unidades da Federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, com 95% de nível de confiança.

Voto espontâneo:

Lula (27,8%),
Jair Bolsonaro (21,6%)
Ciro Gomes (1,7%)
Sérgio Moro (0,7%)
João Dória (0,7%)
Outros (1,5%)
38,9% dos entrevistados estão indecisos em relação ao voto para presidente em 2022.

Já na coleta espontânea (sem as indicações dos candidatos), Lula soma 27,8% da preferência popular, enquanto Bolsonaro teve 21,6% das citações. O número de indecisos no modelo ficou em 38,9%. Ciro (1,7%), Moro (0,7%) e Doria (0,7%) foram lembrados em menores proporções.

Voto estimulado:

Lula (41,3%)

Jair Bolsonaro (26,6%)

Ciro Gomes (5,9%)

Sérgio Moro (5,9%),

João Dória (2,1%),

Henrique Mandetta (1,8%),

branco/nulo (8,6%) e indeciso (7,8%).

Em caso de 2º turno, o presidente perderia para Lula e Ciro:

2º Turno: Lula x Bolsonaro

Lula (52,6%)
Jair Bolsonaro (33,3%%)

2º Turno: Ciro x Bolsonaro

Ciro (43,2%)
Jair Bolsonaro (33,7%)

Sobre as eleições para presidente da República para o próximo ano, 40,3% entrevistados preferem que Lula ganhe as eleições e volte a ser presidente, enquanto 25,1% preferem que Jair Bolsonaro ganhe as eleições e continue por mais 4 anos. Outros 30,1% preferem que algum candidato que não seja ligado a Jair Bolsonaro, nem a Lula ganhe as eleições para presidente.

Do total de entrevistados, 45,1% consideram ser mais importante para as eleições para presidente da República no próximo ano Jair Bolsonaro não ser reeleito, enquanto 27,7% consideram mais importante Lula não ser eleito. Outros 21,2% não concordam com nenhuma das opções anteriores.

Com Bolsonaro candidato a presidente no ano que vem, 22,8% disseram que votariam nele com certeza e 11,6% disseram que poderiam votar nele. Por outro lado, 61,8% disseram que não votariam do mandatário para presidente de jeito nenhum e 0,4% disse não conhecê-lo ou saber quem é.

Se o ex-presidente Lula for candidato a presidente em 2022, 35,4% disseram que votariam nele com certeza e 17,1% disseram que poderiam votar nele. Por outro lado, 44,5% disseram que não votariam nele para presidente de jeito nenhum e 0,1% disse não conhecê-lo ou saber quem é.

O levantamento também traz a avaliação do governo Bolsonaro, além de opinião sobre tipos de urna eleitoral. A pesquisa traz ainda a percepção da população sobre questões relacionadas à situação do país para emprego, saúde, educação e segurança pública. Os dados indicam, ainda, a visão dos entrevistados em relação à avaliação do ensino remoto e a opinião sobre o retorno às aulas com o avanço da vacinação.

O Povo

Comentários

Notícias mais lidas na semana.

MUITA OUSADIA: AO SE PASSAR POR CLIENTE DE UMA LOJA, MULHER FURTA PEÇAS DE ROUPAS EM SANTO ANTÔNIO-RN; VEJA VÍDEOS

POLÍCIA MILITAR RECUPERA EM NOVA CRUZ MOTOCICLETA TOMADA DE ASSALTO EM GOIANINHA

PREFEITO DE TANGARÁ/RN HOMOLOGA LICITAÇÃO PARA TRANSPORTE DA EDUCAÇÃO POR QUASE R$ 600 MIL

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

TUDO EM CASA, EM UMA GRANDE FAMÍLIA: PREFEITO DE PASSAGEM (RN) FAZ FARRA DE NOMEAÇÕES FAMILIARES EM SUA GESTÃO