RESERVAS HÍDRICAS POTIGUARES ACUMULAM 45,20% DA SUA CAPACIDADE

 


O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio do Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), monitora 47 reservatórios, com capacidades superiores a 5 milhões de metros cúbicos, responsáveis pelo abastecimento das cidades potiguares. O Relatório do Volume dos Principais Reservatórios Estaduais, divulgado nesta quarta-feira (08), demonstra que as reservas hídricas superficiais totais do RN, atualmente, somam 1.978.584.417 m³, percentualmente, 45,20% da capacidade total do Estado, que é de 4.376.444.842 m³. No dia 08 de setembro de 2020, as reservas hídricas do RN acumulavam 2.310.420.670 m³, correspondentes a 52,79% do seu volume total. 

A barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório do RN, acumula 1.271.679.415 m³, correspondentes a 53,59% da sua capacidade total, que é de 2.373.066.510 m³. No mesmo período de setembro de 2020, o manancial estava com 1.463.556.090 m³, equivalentes a 61,67% do seu volume total. 

Segunda maior barragem do RN, Santa Cruz do Apodi acumula 236.472.120 m³, equivalentes a 39,43% da sua capacidade total, que é de 599.712.000 m³. No mesmo período de 2020, o reservatório estava com 198.046.850 m³, percentualmente, 33,02% do seu volume total. 

A barragem Umari, localizada em Upanema, acumula 196.724.591 m³, correspondentes a 67,18% da sua capacidade total, que é de 292.813.650 m³. No mesmo período de agosto de 2020, o reservatório estava com 250.578.808 m³, equivalentes a 85,58% do seu volume total. 

A barragem de Pau dos Ferros acumula 25.214.258 m³, correspondentes a 45,97% da capacidade total do reservatório, que é de 54.846.000 m³. No mesmo período do ano passado, o manancial estava com 17.752.814 m³, equivalentes a 32,37% do seu volume total. 

O açude Marechal Dutra, conhecido como Gargalheiras, acumula 6.488.508 m³, percentualmente, 14,61% da sua capacidade total, que é de 44.421.480 m³. No mesmo período do ano passado, o reservatório estava com 12.212.972 m³, correspondentes a 27,49% do seu volume total. 

O açude Bonito II, localizado em São Miguel, acumula 2.034.825 m³, percentualmente, 18,73% da sua capacidade total, que é de 10.865.000 m³. No mesmo período de agosto de 2020, o reservatório estava com 2.611.125 m³, correspondentes a 24,03% do seu volume total. 

O açude Flechas, localizado em José da Penha, acumula 8.147.275 m³, equivalentes a 91,03% da sua capacidade total, que é de 8.949.675 m³. Em setembro de 2020, o manancial estava com 832.800 m³, correspondentes a 9,31% do seu volume total. 

Já o açude Santana, localizado em Rafael Fernandes, acumula 6.253.333 m³, percentualmente, 89,33% da sua capacidade total, que é de 7 milhões de metros cúbicos. No mesmo período de setembro de 2020, o reservatório estava com 6.300.000 m³, equivalentes a 90,00%  do seu volume total. 

O reservatório Sabugi, localizado em São João do Sabugi, acumula 14.117.160 m³, correspondentes a 22,83% da sua capacidade total, que é de 61.828.970 m³. Em setembro de 2020, o açude estava com 30.606.081 m³, percentualmente, 49,50% do seu volume total. 

Além do Santana, os reservatórios monitorados pelo Igarn que ainda estão com mais de 80% da sua capacidade, são: o açude público de Encanto, com 89,2%; Rodeador, localizado em Umarizal, com 83,64%; Passagem, localizado em Rodolfo Fernandes, com 83,53%; açude público de Marcelino Vieira, com 83,12%, Riacho da Cruz II, localizado em Riacho da Cruz, com 87,58% e Apanha Peixe, localizado em Caraúbas, com 80,17% da sua capacidade. 

Já os mananciais monitorados pelo Igarn que estão em nível de alerta, com volumes inferiores a 10% da sua capacidade atualmente são 5: o Caldeirão de Parelhas, localizado em Parelhas, com 9,68%; o açude público de Cruzeta, com 5,78%; o açude Itans, localizado em Caicó, com 2,66%; o Zangarelhas, localizado em Jardim do Seridó, com 1,9% e o Esguicho, localizado em Ouro Branco, com 0,33% da sua capacidade.

Os açudes monitorados pelo Igarn que estão secos são: Inharé, localizado em Santa Cruz e o Trairi, localizado em Tangará. 

Situação das Lagoas 

A lagoa de Extremoz, responsável pelo abastecimento de parte da zona norte da capital, acumula 10.218.654 m³, correspondentes a 92,73% da sua capacidade total, que é de  11.019.525 m³.

Já a lagoa do Bonfim, responsável pelo abastecimento da adutora Monsenhor Expedito, acumula 40.969.228 m³, percentualmente, 48,62% do seu volume total, que é de 84.268.200 m³. 

A lagoa do Boqueirão, que atende a usos diversos, acumula 9.571.517 m³, correspondentes a 86,43% da sua capacidade total, que é de 11.074.800 m³. 

Comentários

Notícias mais lidas na semana.

CASAL COM DEFICIÊNCIA VISUAL TERÁ HISTÓRIA DE VIDA CONTADA POR PROGRAMA DA 96 FM NA SEGUNDAFEIRA (20); VEJA VÍDEO

BARCELONA (RN): CATIANO NASCIMENTO DEIXA BASE DO PREFEITO FABIANO LOPES

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

TUDO EM CASA, EM UMA GRANDE FAMÍLIA: PREFEITO DE PASSAGEM (RN) FAZ FARRA DE NOMEAÇÕES FAMILIARES EM SUA GESTÃO