CRESCE NÚMERO DE ACIDENTES COM MOTOCICLETAS NO RN

Imagem
  Dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RN) apontam que cresceu o número de ocorrências envolvendo motocicletas no Rio Grande do Norte em comparação com o primeiro semestre do ano passado. O levantamento traz dados do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE-RN), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), referentes ao período de janeiro a junho deste ano e comparados com o mesmo período do ano passado. Conforme o levantamento, os registros de acidente de trânsito com vítima envolvendo motocicletas com, pelo menos, uma pessoa, somaram 1.289 casos neste ano. No mesmo período do ano passado, foram 1.282 casos. Esses dados são os registrados no momento das ocorrências e não levam em conta mortes ocorridas em hospitais após o registro do fato. O aumento nos acidentes envolvendo motos coincide com o aumento da frota. Gabriel Santos, de 24 anos, fez parte das estatísticas com acidentes de motos. Em 2020, ele fraturou a mão e teve les

APÓS ACORDO, ANESTESISTAS DE COOPERATIVA VOLTAM A ATENDER EM HOSPITAIS DO RN

 


Os anestesiologistas cooperados da Coopanest voltaram a atender pacientes do SUS em Natal. Na noite da quinta-feira (7), o grupo firmou acordo junto ao Poder Público para a retomada das cirurgias, que já voltaram a ocorrer nos hospitais públicos ou que tenham contrato em vigor com o SUS.

A confirmação da retomada foi do diretor técnico da Coopanest, Madson Vidal. De acordo com ele, a cooperativa teve uma reunião na noite da quinta com representantes do Ministério Público, Defensoria Pública, do Walfredo Gurgel, além dos secretários de Saúde de Natal e do Estado, George Antunes e Cipriano Maia, respectivamente, e acordaram a retomada.

De acordo com Madson Vidal, a retomada vai ocorrer mediante compromisso do Poder Público de cumprir acordo para o pagamento parcelado referente a 10 meses de atraso nos serviços da cooperativa. Na reunião, ficou definido que o Ministério Público vai acompanhar a situação e, caso o pagamento volte a atrasar, os médicos da cooperativa estarão desobrigados de atender.

Por outro lado, ainda de acordo com o médico, hospitais privados, como o Incor (Hospital Rio Grande) e o Hospital do Coração, não não retomaram as cirurgias do SUS devido à falta de pagamento.

Fonte: Tribuna do Norte

Notícias mais lidas na semana.

PRESIDENTE DO BANCO CENTRAL DIZ QUE CARTÃO DE CRÉDITO DEIXARÁ DE EXISTIR

R$ 25 BILHÕES DO PIS/PASEP ESTÃO PARADOS NO BANCO; SAIBA QUEM PODE SACAR

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%

PESQUISA BG/SETA/SÃO GONÇALO/PREFEITO: PAULINHO TEM 59,6% DAS INTENÇÕES DE VOTOS CONTRA 26,4% DE POTI NETO