CIDADE DO RN VOLTA A SUSPENDER EVENTOS APÓS ALTA DE CASOS DE COVID E CONFIRMAÇÃO DA VARIANTE DELTA

 


A cidade de Senador Elói de Souza, no Agreste Potiguar, publicou um decreto endurecendo as medidas de contenção da pandemia da covid-19. A Prefeitura voltou a proibir, a partir desta terça-feira (19), eventos que possam criar aglomerações. O município também está reduzindo, inclusive, o público em feiras e celebrações religiosas. O motivo foi uma alta no número de casos da covid-19 na cidade. As informações são da Tribuna do Norte.

Em edição do Diário Oficial do Município publicada nesta terça-feira, a Prefeitura retomou medidas de contenção e distanciamento social, assim como proibiu a realização de eventos públicos e privados que impliquem na aglomeração de pessoas no município. A validade do decreto é de 15 dias.

Segundo a secretária de Saúde do Município, Alda Lourenço, a cidade tem 11 casos de pessoas com covid-19 em tratamento e sete casos suspeitos. Segundo ela, durante mais de uma semana não foram registrados casos da doença na cidade. Porém, neste momento, duas pessoas tiveram a confirmação pela variante delta confirmada e há outras pessoas com situação sob investigação. Por isso, o Município resolveu fazer a restrição.

De acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde Pública, Senador Elói de Souza, que tem aproximadamente 6,2 mil habitantes, somou 386 casos de covid durante toda pandemia, com 10 óbitos confirmados.


Notícias mais lidas na semana.

LAGOA DO BONFIM ATINGE 46% DE SUA CAPACIDADE. A PIOR SITUAÇÃO DOS ÚLTIMOS ANOS

102 ANOS: PROGRAMAÇÃO DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA DE NOVA CRUZ/RN É DIVULGADA

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

JOVEM PASTORA E EMPRESÁRIA NAYARA BEZERRA, FAZ DOAÇÃO DE UMA CASA PRÓPRIA PARA UMA FAMÍLIA EM SANTO ANTÔNIO-RN

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

TUDO EM CASA, EM UMA GRANDE FAMÍLIA: PREFEITO DE PASSAGEM (RN) FAZ FARRA DE NOMEAÇÕES FAMILIARES EM SUA GESTÃO