EM 10 ANOS, POPULAÇÃO JOVEM REDUZ E NÚMERO DE IDOSOS CRESCE NO RN

Imagem
  Em 10 anos, a população do Rio Grande do Norte cresceu, mas passou a ter menos jovens e mais idosos , segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística ( IBGE ). Entre 2012 e 2021,  toda a população das faixas etárias entre 0 e 29 anos ficou menor . Esse público representava 1,773 milhão de pessoas em 2012 e chegou 1,599 milhão no ano passado - uma queda de 9,8%. Por outro lado, a população potiguar cresceu em todas as faixas etárias acima dos 30 anos. Somente o público idoso, acima dos 60 anos passou de 352 mil pessoas em 2012 para 494 mil no ano passado  - um  aumento superior a 40% . O grupo que teve maior queda foi o de  crianças entre 0 e 4 anos . Em uma década, o número de pessoas nessa faixa  caiu 18,2%  - passou de 269 mil para 220 mil. Já o grupo que mais cresceu foi a população entre  55 e 59 anos , que  aumentou 70,7% , passando de 113 mil para 193 mil.

COM BOLSAS DE ATÉ R$ 3 MIL, IGARN E FAPERN DIVULGAM EDITAL COM VAGAS PARA DIVERSAS ÁREAS

 


O Instituto de Gestão das Águas do Estado do Rio Grande do Norte (Igarn), em parceria com a Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Norte (Fapern), realiza processo seletivo simplificado para selecionar egressos de cursos superiores para atuarem como pesquisadores-bolsistas em projetos de pesquisa e inovação. O edital foi publicado no Diário Oficial do Estado a realização (veja aqui).

São 25 bolsas, sendo 23 para bolsistas-pesquisadores e duas para bolsistas-coordenadores, com carga horária de 30 horas semanais. O prazo total das bolsas é de 24 meses, com valores de R$ 2.500 mensais para bolsistas-pesquisadores (graduados) e R$ 3.000 para bolsistas-coordenadores científicos/supervisores (mestres).

A inscrição será feita exclusivamente pelo e-mail selecaoigarn@gmail.com, até o dia 14 de outubro, de acordo com os requisitos do edital. As vagas são para graduados em Engenharia Civil, Geografia, Engenharia Agronômica, Jornalismo, Bacharelado em Direito, Pedagogia ou Serviço Social, Engenharia Sanitária/Ambiental, Química, Gestão de Políticas Públicas/Administração, Geologia, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Engenharia da Computação/Sistemas de Informação Gestão Ambiental, Engenharia Civil/Sanitária/Meio Ambiente (Mestrado) e Gestão Pública/Políticas Públicas Administração Pública (Mestrado).

O processo acontece em quatro etapas. A primeira é a análise dos documentos; a segunda, a análise do currículo. Na terceira etapa, os candidatos terão seus pré-projetos analisados e avaliados. Caso sejam aprovados, seguirão para a quarta e última etapa, onde haverá a entrevista individual. O cronograma e informações complementares estão disponíveis no edital.

Notícias mais lidas na semana.

PESQUISA SETA/BANDRN MOSTRA INTENÇÃO DE VOTO DOS MOSSOROENSES PARA O GOVERNO DO ESTADO; CONFIRA RESULTADO

LAGOA DE PEDRAS (RN): PREFEITO GUILHERME AMÂNCIO GANHA EM ÚLTIMA INSTÂNCIA E SEGUE NO CARGO ATÉ FINAL DO MANDATO

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA