GOVERNO DO RN PREPARA NOVA FOLHA APÓS FALHA NO PAGAMENTO DOS SERVIDORES INATIVOS

Imagem
  O Governo do Rio Grande do Norte, através da Secretaria de Estado da Administração (Sead), informou que está preparando uma folha suplementar para corrigir a remuneração de alguns servidores inativos da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), referente à folha de pagamento do mês de maio de 2022.  O erro no pagamento foi apontado pelo Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do RN (Sindisaúde). Segundo a categoria, o problema é constante. “Sabemos que erros podem ocorrer, mas todo mês já é uma falta de respeito. Interessante é que o governo sempre erra reduzindo os salários, nunca é para mais”, diz a nota oficial do sindicato. Até a próxima sexta-feira 20, o trabalho de correção será concluído. De acordo com o novo Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração dos servidores efetivos da Sesap, cerca de 3 mil aposentados deveriam receber equivalente à jornada de trabalho de 40h, o que já vinha sendo realizado desde a publicação da Lei Complementar nº694/2022.  No entanto, de acordo com

CORTE DE LUZ VOLTA A VALER A FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA A PARTIR DESTA SEXTA-FEIRA ( 1º )

 


Consumidores de baixa renda poderão ter a energia cortada a partir desta sexta-feira (1º/10), caso deixem de pagar a conta de luz.

Pelos últimos seis meses, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) suspendeu cortes de energia de aproximadamente 12 milhões de famílias consideradas de baixa renda, devido à crise causada pela pandemia da Covid-19.

A medida foi anunciada no dia 26 de março deste ano e valeria, inicialmente, até 30 de junho. No entanto, a Aneel decidiu prorrogar a suspensão até essa quinta-feira (30).

Agora, a agência não anunciou uma nova prorrogação da medida e, portanto, o corte de energia voltou a valer a partir de hoje.

A suspensão era dada às famílias que participavam da tarifa social, que concede descontos na conta de luz para as famílias de baixa renda. Com ela, o consumidor recebe um abatimento mensal no valor pago, que varia de acordo com a tabela de consumo.

Desde setembro, vale no país a bandeira de escassez hídrica, criada excepcionalmente pela Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética (CREG), devido à crise hidrológica. A taxa é de R$ 14,2 a cada 100 quilowatt-hora (kWh) consumidos. Essa cobrança valerá até abril de 2022.

A decisão da CREG isenta, no entanto, os consumidores beneficiários da tarifa social de pagar a Bandeira Escassez Hídrica.

Dessa maneira, essas famílias continuarão pagando, com desconto, a bandeira acionada mensalmente pela Aneel se ela for amarela ou vermelhas 1 e 2. Já a bandeira verde não implica em custos para o consumidor.

Metrópoles

Notícias mais lidas na semana.

VÍDEO: ÔNIBUS ESCOLAR É METRALHADO APÓS ASSALTO NO RN; MOTORISTA E ALUNO SÃO BALEADOS

CAMPESTRE (RN): PREFEITO AUTORIZA LICITAÇÃO POR MAIS DE R$ 500 MIL

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%