FUNDÃO ELEITORAL DE R$ 5,7 BILHÕES: SENADO SEGUE CÂMARA E DERRUBA VETO DE BOLSONARO

 


O Congresso restaurou nesta sexta-feira o Fundo Eleitoral de até R$ 5,7 bilhões ao derrubar veto do presidente Jair Bolsonaro que buscava reduzir a quantia a menos da metade.

Na Câmara, foram 317 votos para garantir o aumento e 146 contra. No Senado, 53 a 21. A matéria vai à promulgação.

No fim do 1º semestre, os congressistas aprovaram a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) com um aumento do Fundo Eleitoral de R$ 2 bilhões para cerca de R$ 5,7 bilhões. O presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), sancionou a lei em 20 de agosto, mas vetou o trecho que tratava sobre o valor.

Em agosto, o governo federal enviou ao Congresso o PLOA (Projeto de Lei Orçamentária Anual) de 2022 propondo o valor de R$ 2,1 bilhões para o financiamento de campanhas eleitorais.

Agora, a derrubada do veto recoloca na LDO de 2022 uma fórmula de cálculo do Fundo Eleitoral que, pelas estimativas atuais, resulta em um valor próximo a R$ 5,7 bilhões. A definição do valor final, contudo, depende da redação do texto do PLOA, que o Congresso analisará na próxima 2ª feira (20.dez).

Com informações de O Globo e Poder 360

Notícias mais lidas na semana.

NOVA CRUZ E MONTANHAS TÊM ABASTECIMENTO DE ÁGUA SUSPENSO APÓS VAZAMENTO EM ADUTORA

PM PRENDE SUSPEITO DE PARTICIPAÇÃO NA MORTE DE EX-VICE-PREFEITO DE BOA SAÚDE DURANTE ASSALTO EM NATAL

MPF OBTÉM CONDENAÇÃO DE MÉDICO PERITO POR FRAUDAR O INSS; CASO ACONTECEU EM SANTO ANTÔNIO EM 2008

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO

ESCOLINHA DE FUTEBOL ACADEMIA ESTEVÃO
ESCOLINHA PARCEIRA DO BLOG

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/SETA/SÃO GONÇALO/PREFEITO: PAULINHO TEM 59,6% DAS INTENÇÕES DE VOTOS CONTRA 26,4% DE POTI NETO