POLÍCIA CIVIL PRENDE SUSPEITO NO RN POR EXTORSÃO CONTRA MAIS DE 3.000 MULHERES

Imagem
  Policiais civis da 71ª Delegacia de Polícia (Patu) deram cumprimento, nesta segunda-feira (15), a um mandado de prisão preventiva em desfavor de Matheus Fernandes Alves, 27 anos. Ele, detido na cidade de Caucaia, no estado do Ceará, é investigado pela suspeita da prática do crime de extorsão, na cidade de Patu, via Instagram, no mês de março deste ano. Matheus Fernandes recorreu a um aplicativo pirata para encontrar aleatoriamente as suas vítimas e, após isso, passava a extorqui-las por meio das redes sociais. Segundo as investigações, o suspeito contactava a vítima se passando por um “hacker”, que se dizia contratado por um terceiro para resgatar os arquivos dela e, posteriormente, expor fotos pessoais de caráter íntimo, caso a vítima não realizasse a chamada de vídeo. Com a investigação da 71ª DP, conseguiu-se chegar a autoria do delito, motivo pelo qual foi expedido mandado de prisão em desfavor dele. O mandado foi expedido pela Vara Única da Comarca de Patu, do Tribunal de Justiç

PESQUISA REVELA AUMENTO DE TRANSTORNOS PSIQUIÁTRICOS APÓS COVID-19

 

REPRODUÇÃO:  

Um estudo feito pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) mostrou que pessoas que tiveram covid-19 de forma moderada ou grave passaram a registrar maior incidência de transtornos psiquiátricos após a contaminação. O artigo sobre a pesquisa foi publicado na revista científica General Hospital Psychiatry. 

Foram avaliados 425 adultos, depois de seis a nove meses da alta hospitalar por causa da covid-19. Todos foram pacientes internados no Hospital das Clínicas da USP por pelo menos 24 horas, entre março e setembro de 2020. Aqueles que precisaram de tratamento em unidade de terapia intensiva (UTI) foram considerados casos graves e os demais, moderados. Os pacientes foram submetidos a entrevista psiquiátrica estruturada, testes psicométricos e bateria cognitiva.

De acordo com o estudo, a prevalência de transtorno mental comum neste grupo de pacientes pós-covid foi 32,2%, maior do que o relatado na população geral brasileira (26,8%). Quanto ao diagnóstico de depressão, houve prevalência de 8%, superior ao da população geral brasileira (em torno de 4% e 5%). Transtornos de ansiedade generalizada estavam presentes em 14,1%, resultado também superior à prevalência na população geral brasileira (9,9%).

Segundo a pesquisa, os resultados psiquiátricos não foram associados a nenhuma variável clínica relacionada à gravidade da doença em fase aguda, ou seja, não foram mais preponderantes naqueles pacientes que apresentaram grau de inflamação maior, por exemplo.

“Os comprometimentos psiquiátricos e cognitivos observados a longo prazo após covid-19 moderada ou grave podem ser vistos como uma expressão dos efeitos do SARS-CoV-2 na homeostase [equilíbrio] cerebral ou uma representação de manifestações psiquiátricas inespecíficas secundárias à diminuição do estado geral de saúde”, diz o texto da pesquisa, que tem Rodolfo Damiano, médico residente do Instituto de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da USP como primeiro autor.

Os resultados da pesquisa, que contou com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), podem ser vistos aqui.

Edição: Nádia Franco

Notícias mais lidas na semana.

R$ 25 BILHÕES DO PIS/PASEP ESTÃO PARADOS NO BANCO; SAIBA QUEM PODE SACAR

PRESIDENTE DO BANCO CENTRAL DIZ QUE CARTÃO DE CRÉDITO DEIXARÁ DE EXISTIR

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%

PESQUISA BG/SETA/SÃO GONÇALO/PREFEITO: PAULINHO TEM 59,6% DAS INTENÇÕES DE VOTOS CONTRA 26,4% DE POTI NETO