INMET ALERTA DE CHUVAS INTENSANS EM 30 CIDADES DO RN; VEJA LISTA

Imagem
  O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de chuvas intensas em 30 cidades do Rio Grande do Norte. O aviso vale até 11h desta terça-feira (29). O alerta tem o grau de severidade “perigo potencial”. Isso significa que há previsão de chuvas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia nessas cidades.  Os ventos também podem atingir entre 40 e 60 km/h. De acordo com o Inmet, nesse tipo de alerta há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas. A recomendação do órgão é, em caso de rajadas de vento, não se abrigar debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétrica, e não estacionar veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda. Veja cidades atingidas Água Nova Alexandria Antônio Martins Coronel João Pessoa Doutor Severiano Encanto Francisco Dantas Frutuoso Gomes João Dias José da Penha Luís Gomes Major Sales Marcelino Vieira Martins Paraná Pau dos Ferros Pilões Portalegre Rafael

CELULAR É RESPONSÁVEL POR UM ACIDENTE A CADA TRÊS DIAS EM RODOVIAS FEDERAIS

 


Mortes provocadas por uso de celulares são uma realidade no trânsito brasileiro. Levantamento feito pela Polícia Rodoviária Federal mostra que em 2021 dez pessoas morreram em rodovias federais em acidentes que tiveram como causa principal a utilização destes aparelhos pelos condutores. Outras 117 pessoas ficaram feridas, 23 em estado grave.

Ao todo, foram 125 casos —ou seja, um acidente a cada três dias causado pelo uso do celular. Neste ano, até 15 de maio, em 38 ocorrências, quatro pessoas morreram e 41 ficaram feridas (quatro com gravidade), igualmente em rodovias federais.

Um relatório sobre trânsito e celular elaborado pela Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) em abril do ano passado aponta que a investigação de 34.439 acidentes de trânsito com mortes nos EUA concluiu que 444 deles envolveram falhas de atenção devido ao uso de celulares.

O texto da Abramet, chamado de “Riscos do uso de telefone celular na condução de veículos automotores”, afirma que a utilização do aparelho e de dispositivos de mensagens se destaca como principal causa na falha de atenção de motoristas.

Na semana passada, a entidade médica publicou um estudo mostrando que, em 2021, mais de 246 mil motoristas foram multados por usar celular enquanto dirigiam no Brasil —média de 28 condutores autuados por hora.

A legislação nacional diz que dirigir veículo utilizando-se de fones nos ouvidos conectados a aparelhagem sonora ou de telefone celular é infração média, com cinco pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 130,16.

Agora, se o motorista manusear o aparelho, para mandar mensagem ou visualizar um vídeo, por exemplo, ele comete infração gravíssima, com sete pontos na CNH e multa de R$ 293,47.

Um estudo realizado pela Abramet e pelo Instituto de Medicina do Hospital das Clínicas, com voluntários no autódromo de Interlagos, apontou que com o celular na mão, motoristas realizaram guinadas bruscas no volante e curvas exageradas na execução de manobras simples para percorrer uma fileira de cones, entre outros.

Com informações de FolhaPress

Notícias mais lidas na semana.

DIRETOR-GERAL DA CÂMARA DE SANTO ANTÔNIO É O ÚNICO SERVIDOR DO RN A RECEBER A MEDALHA TOP LEGISLATIVO 2022

WILSINHO (PTB) É ELEITO PREFEITO DE CANGUARETAMA COM 54,74% DOS VOTOS VÁLIDOS

POPULAÇÃO ELEGE EDNA LEMOS COMO NOVA PREFEITA DE PEDRO VELHO/RN

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%