RN TEM 304 OBRAS PÚBLICAS COM RECURSOS FEDERAIS PARALISADAS, DIZ TCU

Imagem
  Obra de túnel de macrodrenagem e requalificação da avenida Jerônimo Câmara paralisada (Arquivo) — Foto: Reprodução O Rio Grande do Norte tem pelo menos 304 obras públicas com recursos federais paralisadas e inacabadas. Os dados são do Painel de Obras Paralisadas do Tribunal de Contas da União (TCU), que constatou cerca de 8 mil projetos nesta mesma situação em todo o país. Com base nas fontes de dados do TCU, o Rio Grande do Norte registrou 814 obras públicas com recursos federais em 2022, dentre as quais estão as mais de 300 paralisadas, que representam 37,3%. Conduzidas por prefeituras, por órgãos do governo estadual e pelo próprio governo federal, as obras inacabadas somam investimento total de R$ 929 milhões. Cerca de R$ 346,3 milhões já foram aplicados nesses projetos. Embora a maior parte das obras paralisadas no estado esteja relacionada à Educação - são 125 nesse setor - as obras de maior valor são relacionadas a infraestrutura e saneamento básico. Não entra na conta obras qu

PROJETO TRILHAS POTIGUARES DA UFRN PLANEJA AÇÕES NO MUNICÍPIO DE PASSAGEM

 


Educação, meio ambiente e esporte, esses serão os temas principais das ações do Programa Trilhas Potiguares no município de Passagem, localizado no Agreste potiguar. Em março, a coordenação do projeto de extensão Trilhas Potiguares 2022 – Passagem, vinculado ao Trilhas, realizou o diagnóstico no município. O próximo passo é enviar para prefeitura do município uma lista dos materiais necessários para realizar as atividades planejadas. O momento foi essencial para analisar as principais necessidades da população, estimada em  3.114  habitantes, e permitir o planejamento para a semana de ações do programa no mês de julho. 

A expectativa é que o Trilhas alcance cerca de 1.000 pessoas na cidade,  correspondendo a quase metade da população de Passagem. Aliado a isso, Viviane Campos, coordenadora do projeto no município, observa que outro objetivo é possibilitar a continuidade das ações por meio de agentes multiplicadores, uma vez que elas são pensadas para que as pessoas  tenham condições de avançar a partir do que foi realizado juntos aos alunos, sejam elas do Trilhas ou não. 

Na busca pela concretização dos impactos almejados, a iniciativa reúne 13 alunos dos cursos de Pedagogia, Educação Física, Farmácia, Gestão de Políticas Públicas, Biblioteconomia, Direito, Comunicação Social, Química, Dança, C&T, Publicidade e Teatro. Vinculados ao Campus Natal, os estudantes já participaram de dois encontros presenciais do Programa, um voltado ao planejamento e outro para distribuição das atividades.  A divisão considerou, além da graduação, as habilidades apresentadas pelo grupo, com o intuito de articular a execução das demandas à afinidade demonstrada por cada discente. 

Em relação aos espaços de execução, estão programadas atividades no âmbito da assistência social, nas escolas, na praça da cidade e no prédio da prefeitura de Passagem. “Estamos planejando desenvolver atividades que estejam em consonância com as demandas que nos foram passadas pelos profissionais da prefeitura de Passagem, de uma maneira geral, o formato das atividades serão de oficinas, entendendo que nosso trabalho com o Trilhas envolve uma perspectiva educacional e de possibilidades de encontros de saberes”,  esclarece Julyana Vilar de França Manguinho, também coordenadora do projeto. 

Entre os trabalhos pensados para o projeto está o desenvolvimento e organização de novas modalidades esportivas, dada a presença de atletas do município como representantes em torneios estaduais. O intuito é fornecer à população novos esportes que possibilitem a formação de times  para competir em eventos das esferas estadual e municipal. Fora do eixo esportivo, estão iniciativas com o uso de materiais reciclados, construção de hortas, capacitação para profissionais da biblioteca e oficinas voltadas às mulheres empreendedoras que prestam serviços ou já possuem um negócio de pequeno porte. 

O Secretário de Administração e Planejamento, Sávio Barreto, lembra que Passagem já recebeu o Trilhas em 2019, tendo-o como um grande acontecimento no município. O prefeito Juninho Fagundes determinou que a gestão desse toda a atenção possível, assegurando boa infraestrutura de hospedagem e alimentação para receber os coordenadores e estudantes do Programa. “Tendo em vista que a comunidade universitária interage com a população do município, trazendo conhecimento de diversas áreas, por meio de oficinas e outras atividades, pretendemos aproveitar para alavancar ações que deem frutos para o municípios. Já temos uma importante facção textil, então, existem outras áreas que podem fomentar o desenvolvimento do município, como o artesanato, as artes e outras potencialidades”, completa o Secretário.

Trilhas Potiguares

O Trilhas Potiguares consiste em um Programa de Extensão com efetiva interação entre a Universidade e a comunidade de pequenos municípios do Rio Grande do Norte, com até 15 mil habitantes. Coordenado pela Pró-Reitoria de Extensão (Proex), a ação em cada município participante constitui um Projeto de Extensão e o conjunto de municípios (projetos) forma o Programa Trilhas Potiguares. Em 2022, as atividades acontecem em 10 municípios: Poço Branco, Monte das Gameleiras, Lagoa d’Anta, Passagem, Serra Negra do Norte, Campo Grande, Lagoa Salgada, Tibau do Sul, Patu, Umarizal e Campo Grande no período entre 31 de julho e 7 de agosto.


UFRN

Notícias mais lidas na semana.

DIRETOR-GERAL DA CÂMARA DE SANTO ANTÔNIO É O ÚNICO SERVIDOR DO RN A RECEBER A MEDALHA TOP LEGISLATIVO 2022

WILSINHO (PTB) É ELEITO PREFEITO DE CANGUARETAMA COM 54,74% DOS VOTOS VÁLIDOS

VÍDEO: PREFEITURA DE LAGOA DE PEDRAS/RN DIVULGA ATRAÇÕES DO RÉVEILLON 2023; CONFIRA

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%