"É APENAS UMA PRORROGAÇÃO", DIZ LULA SOBRE O 2º TURNO

Imagem
  O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse que sua ida ao 2º turno das eleições presidenciais é “apenas uma prorrogação” e conclamou seus principais aliados a continuar trabalhando “até a vitória final”. Em pronunciamento na noite deste domingo (2.out.2022), o petista afirmou que terá a “chance” de debater diretamente com seu oponente Jair Bolsonaro (PL) e disse que trabalhará para ampliar suas alianças. “Durante toda essa campanha, a gente esteve na frente nas pesquisas de opinião pública de todos os institutos, mesmo aqueles que não queriam que a gente ganhasse, colocavam a gente em 1º lugar. E eu sempre achei que a gente ia ganhar essas eleições. Eu quero dizer para vocês que nós vamo ganhar essas eleições. Isso para nós é apenas uma prorrogação”, disse. O petista teve 57.256.053 votos – 48,43% dos votos válidos (sem considerar brancos, nulos e abstenções) e não conseguiu encerrar o pleito no 1º turno, como planejava. Na tentativa de se reeleger, Bolsonaro teve 51.070.95

PREÇO DO CARRO POPULAR NÃO DEVE VOLTAR TÃO CEDO AO PATAMAR PRÉ-CRISE, AFIRMA ESPECIALISTA

 


O mercado automotivo brasileiro continuará com preços elevados enquanto houver a guerra na Ucrânia, falta de componentes e a inflação global.

Esta é a avaliação do analista e especialista do setor automotivo, Flavio Padovan.

Em entrevista à CNN Rádio, ele explicou que a situação dos chips semicondutores – utilizados em aparelhos eletrônicos, eletrodomésticos e automóveis – “deve durar até o segundo semestre do ano que vem.”

A situação foi agravada com “sucessivos lockdowns na China, e pela situação da Ucrânia e da Rússia, que são produtores de paladium e gás neônio, importantes para a produção.”

Ao mesmo tempo, o especialista acredita que a produção do chamado “carro popular” não deve ser retomada tão cedo.

“O que acontece é que com a crise as montadoras acabaram dirigindo a produção para os veículos de maior rentabilidade para minimizar os efeitos da crise, os populares acabaram desaparecendo do mercado”, disse.

Ele afirma que é complicado responder quando a situação poderá se inverter: “Acho difícil no curto e médio prazo, podemos minimizar, voltar a focar em produtos de valor agregado mais baixo, mas enquanto durar a guerra, tivermos inflação global e falta de componentes, é um conjunto que pressiona preços para cima.”

De acordo com Flavio Padovan, o impacto financeiro de toda essa conjuntura é “muito grande” e ainda incalculável para as montadoras brasileiras.

Com informações da 98 FM


Notícias mais lidas na semana.

NO RN, LULA ABRE MAIS DE 32 PONTOS DE VANTAGEM SOBRE BOLSONARO

PESQUISA EXATUS: FÁTIMA CHEGA A 46,50%; FÁBIO DANTAS 12,55% E STYVENSON 11,15%

PESQUISA CONSULT: FÁTIMA LIDERA COM 43,11%, FÁBIO DANTAS TEM 17,83% E STYVENSON 17%

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA