RODRIGO PACHECO É REELEITO PRESIDENTE DO SENADO FEDERAL

Imagem
  O senador   Rodrigo Pacheco   (PSD-MG) foi reeleito presidente do   Senado   e comandará a Casa pelos próximos dois anos, após votação ocorrida nesta quarta-feira (1º), que terminou 49 a 32. Pacheco, que contou com o apoio do PT, venceu a disputa contra  Rogério Marinho  (PL-RN), que contava com o apoio da bancada ligada ao ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). A votação ocorreu após a posse dos novos 27 senadores. Em discurso antes da votação, o presidente reeleito se posicionou novamente a favor da independência entre os Três Poderes. Quanto a protestos de parlamentes ligados a Bolsonaro, Pacheco afirmou que não fez nenhum ato para classificá-lo como adversário do governo na última gestão.

SEGUNDO INMET, SEMANA SERÁ DE FORTES CHUVAS NO NORTE, SUL E NORDESTE DO PAÍS

 


O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê, para os próximos dias, temperaturas superiores a 26 graus Celsius (°C) em grande parte do país, ultrapassando 30ºC nas regiões Centro-Oeste e Norte; no norte e oeste do Nordeste; e no oeste de São Paulo e Paraná.

Nas demais áreas do Centro-sul do país as temperaturas máximas devem ficar em torno de 24°C a 26°C, podendo ser menor no Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Para as temperaturas mínimas durante a semana, o Inmet prevê “ligeiro aumento” ao longo da semana, principalmente nos dias 21 e 22 de julho. “De maneira geral, as temperaturas [mínimas] deverão variar entre 18°C e 26°C em grande parte das regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste”, detalha o informativo meteorológico divulgado pelo Instituto, com previsões até 2 de agosto.

“No centro-sul do país e grande parte do estado da Bahia, a previsão indica temperaturas abaixo de 18°C, podendo chegar a temperaturas mínimas menores que 14°C em áreas de altas altitudes da Região Sudeste e em áreas da Serra Catarinense e no Rio Grande do Sul”, acrescenta.

Há, também, previsão de geada, principalmente nos dias 19 e 20 de julho em áreas da Campanha e Serra do Sudeste do Rio Grande do Sul.

Chuvas
Há previsão de chuva acumulada até o dia 25 de julho. Os maiores acumulados devem ocorrer na faixa norte da Região Norte. Estão previstos acumulados de chuva entre 20 milímetros (mm) e 80 mm no Noroeste do Amazonas e do Pará, Roraima, e extremo Norte do Amapá.

Para o Nordeste, a previsão é de “volumes de chuva em grande parte da região”. O Inmet acrescenta que, na costa Leste, o tempo segue “instável, com acumulados previstos que podem superar 20 mm”.

“No Sealba [região que compreende os estados do Sergipe, Alagoas e Bahia], os maiores acumulados de chuva são previstos em áreas do estado de Alagoas e Sergipe e com menor intensidade na costa leste da Bahia”, informa o boletim.

Já no norte nordestino, entre os estados do Maranhão, Piauí e Ceará, é possível a ocorrência de “pancadas de chuva de forma isolada”. No litoral do Rio de Janeiro e São Paulo, são esperadas chuvas fracas em pontos isolados.

Para as regiões Centro-Oeste e Sudeste, a previsão é de que predomine uma massa de ar seco durante a semana, o que, segundo o Inmet, “continuará desfavorecendo a formação de chuva em praticamente todos os estados da região”.

Muitas nuvens e chuva são esperadas no começo da semana entre Santa Catarina e Paraná, na Região Sul, em consequência da “instabilidade pós frontal” que encontra-se na região. Há previsão de chuvas de até 30 mm.

“No fim de semana, a passagem de outro sistema frontal no estado do Rio Grande do Sul potencializará a formação de chuvas. Já nas demais áreas, não há previsão de chuva”, acrescenta o instituto.

Notícias mais lidas na semana.

[ VÍDEOS ] INDIGNADA, POPULAÇÃO DE JUNDIÁ/RN PROTESTA CONTRA VEREADORES DA OPOSIÇÃO SOBRE PROJETO DOS CONTRATOS

VÍDEO: ACIDENTE DEIXA DOIS MORTOS E VÁRIOS FERIDOS GRAVES NA BR-101, NO RN

NOITE DE TERROR: BANDIDOS FAZEM SEQUESTRO E ATIRAM CONTRA VIATURA DA PM NO RN

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%