NOVA PEC DE REFORMA TRIBUTÁRIA BUSCA UNIFICAR LEIS QUE REGULAM ICMS E ISS

Imagem
  O senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR) apresentou proposta de emenda à Constituição (PEC) de reforma tributária com o objetivo de simplificar a cobrança dos impostos sobre o consumo. Com a PEC 46/2022, que foi subscrita por outros 36 senadores, o parlamentar espera unificar as leis estaduais, do Distrito Federal e municipais que regulam o Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Sobre Prestações de Serviços (ICMS) e o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) de modo a beneficiar cidadãos e setor produtivo. Segundo o texto, as 27 legislações estaduais e do DF que tratam do ICMS e as milhares de leis municipais sobre ISS seriam substituídas por duas — uma para cada imposto — com abrangência nacional. Para isso, a PEC prevê a edição de duas leis complementares, de competência da União, para estabelecer normas gerais de direito tributário.  No entanto, não haverá unificação de alíquotas, que continuarão sendo determinadas e ajustadas pelas leis dos est

PESQUISA EXATUS: LULA CHEGA A 57% NO E AMPLIA VANTAGEM SOBRE BOLSONARO QUE TEM 24%

 


O candidato do PT à Presidência, Luiz Inácio Lula da Silva, chegou a 57,15% das intenções de voto, segundo a pesquisa EXATUS/AGORA RN. Com isso, o petista ampliou sua vantagem na liderança sobre Jair Bolsonaro (PL), que tem 24,9%. A distância entre eles é de 32 pontos percentuais.

Na última pesquisa, divulgada no fim de agosto, Lula tinha 54,95% e Bolsonaro, 27,3%. A distância era de 27 pontos.

Na pesquisa desta quarta-feira 13, aparecem atrás de Lula e Bolsonaro: Ciro Gomes (PDT), com 6,65%, e Simone Tebet (MDB), 1,55%. Os demais não atingiram 1% das intenções de voto. Ainda há 4,65% que pretendem votar branco, nulo ou nenhum e 4,5% que não sabem ou não quiseram responder.

A pesquisa EXATUS/AGORA RN mostra, ainda, que 89,85% dos eleitores estão decididos para presidente. Apenas 5,2% afirmam que ainda podem mudar de voto até de 2 de outubro.

Rejeição

O presidente Jair Bolsonaro é o mais rejeitado a disputa: 50,3%. Em segundo lugar, aparece Lula, com 24% de rejeição. Ciro Gomes é rejeitado por 2,5%. Os demais não têm 1%.

Avaliação

Segundo a pesquisa, 60,6% dos potiguares desaprovam a gestão do presidente Jair Bolsonaro. Outros 30,4% declaram aprovar. 9% não sabem ou não quiseram responder.

Dados

A pesquisa entrevistou 2 mil pessoas entre 9 e 11 de setembro em 60 municípios potiguares. A margem de erro é de 2,1 pp., com intervalo de confiança de 95%. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral com os protocolos RN-04183/2022 e BR-04565/2022.

Notícias mais lidas na semana.

[ VÍDEOS ] INDIGNADA, POPULAÇÃO DE JUNDIÁ/RN PROTESTA CONTRA VEREADORES DA OPOSIÇÃO SOBRE PROJETO DOS CONTRATOS

VÍDEO: ACIDENTE DEIXA DOIS MORTOS E VÁRIOS FERIDOS GRAVES NA BR-101, NO RN

NOITE DE TERROR: BANDIDOS FAZEM SEQUESTRO E ATIRAM CONTRA VIATURA DA PM NO RN

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%