RN TEM AUMENTO DE MAIS DE 800% NOS CASOS DE DENGUE EM 2022

Imagem
  O Rio Grande do Norte teve um aumento nos casos de dengue, chikungunya e zika neste ano de 2022. Os dados registrados até o dia 22 de outubro, data do último boletim das arboviroses da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), são superiores a todo o ano de 2021. Os casos confirmados de dengue, por exemplo, subiram 830% em comparação com o ano passado. Neste ano, foram confirmados 11.330 casos enquanto em 2021 esse número foi de 1.218.  O número de mortes também cresceu: de  1 para 19 . Em maio deste ano, o RN decretou situação de emergência no estado por conta dos casos elevados de arboviroses. Em agosto, a Sesap chegou a anunciar o fim da epidemia, mas recuou e manteve a situação crítica do quadro no estado. A pasta, inclusive,  fez um novo alerta à população diante da chegada do período epidêmico das arboviroses, compreendido entre novembro e maio , quando as altas temperaturas, combinadas às chuvas aceleram a reprodução do mosquito transmissor, aumentando a disseminação dess

RN TEM 92 CASOS CONFIRMADOS E 52 SUSPEITOS DE VARÍOLA DOS MACACOS

 


O Rio Grande do Norte tem 92 casos confirmados de monkeypox, popularmente conhecida como varíola dos macacos. De acordo com os dados mais recentes do boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), disponibilizado nesta terça-feira 4, o estado tem ainda 52 casos suspeitos da doença, além de 10 casos prováveis.

Entre os casos confirmados, 74 infectados são homens, e 18 são mulheres. Ainda de acordo com o boletim, a faixa etária que concentra a maioria dos casos de monkeypox é entre 30 e 39 anos. Os casos confirmados estão distribuídos nos seguintes municípios: Caicó (2); Doutor Severiano (1); Equador (1); Espírito Santo (1); Extremoz (3); Goianinha (1); Jandaíra (2); Mossoró (3); Natal (57); Parelhas (2); Parnamirim (15); São Gonçalo do Amarante (3) e Serra Negra do Norte (1).

Três unidades de saúde são apontadas como referência para casos suspeitos e confirmados: o Hospital Giselda Trigueiro, em Natal, o Hospital Rafael Fernandes, em Mossoró, e o Hospital Maria Alice Fernandes, também na capital potiguar, só que voltado ao público pediátrico.

Nesta segunda 3, a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro (SES-RJ) confirmou a segunda morte de um paciente infectado pela varíola dos macacos no estado em decorrência da doença. A vítima é um homem de 31 anos que estava internado há mais de um mês na capital fluminense. O homem apresentava baixa imunidade e comorbidades que agravaram o quadro da doença. Ele foi tratado com o medicamento experimental tecovirimat, o que resultou em melhora parcial das lesões, mas, no sábado 1º, sofreu parada respiratória e morreu.

Agora RN

Notícias mais lidas na semana.

DIRETOR-GERAL DA CÂMARA DE SANTO ANTÔNIO É O ÚNICO SERVIDOR DO RN A RECEBER A MEDALHA TOP LEGISLATIVO 2022

WILSINHO (PTB) É ELEITO PREFEITO DE CANGUARETAMA COM 54,74% DOS VOTOS VÁLIDOS

POPULAÇÃO ELEGE EDNA LEMOS COMO NOVA PREFEITA DE PEDRO VELHO/RN

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA