BRASIL VENCE SUÍÇA E SE CLASSIFICA PARA A PRÓXIMA FASE DA COPA DO MUNDO

Imagem
  O Brasil leva sufoco, mas vence o segundo jogo da Copa do Mundo do Catar .A equipe comandada pelo técnico Tite, bateu a Suíça por 1 a 0 e garantiu sua classificação para a próxima fase. Com gol de Casemiro, a seleção chega a seis pontos e fica líder do grupo. O jogo começou truncado para as duas equipes. A seleção suíça, com duas linhas de quatro na marcação, impediu que o Brasil avançasse a sua área. A melhor chance do primeiro tempo foi apenas aos 27 minutos, onde Raphinha recebeu pela direita e cruzou para Vini Jr parar no goleiro Sommer. Aos 20 do segundo tempo,Richarlison inicia contra-ataque, Rodrygo ganha da marcação e dá tapa de letra para Casemiro, que lança de primeira na ponta esquerda. Vinícius Júnior divide com Widmer, invade a área pela esquerda com espaço e bate na saída do goleiro. O VAR indica posição de impedimento de Richarlison na origem do lance. Aos 37 minutos, Casemiro abre passe na ponta esquerda, Vinicius Júnior encara a marcação e toca rasteiro para Rodrygo,

DENÚNCIA CITA NÚMEROS DE TELEFONES DE APOIADORES DA OPOSIÇÃO EM DISPAROS EM MASSA COM FAKE NEWS NA CAMPANHA ELEITORAL DE CANGUARETAMA (RN)

 



Um dos números de celular investigados é de Lucilene Guilherme da Silva, apoiadora da coligação “Agora é a vez do povo” e esposa de Fábio Gás, adversário político de Wilsinho Ribeiro

Dados colhidos pela Justiça Eleitoral confirmaram, nesta terça-feira (22), o envolvimento de apoiadores da coligação de oposição “Agora é a vez do povo”, que fazem parte da campanha suplementar de Canguaretama, em uma rede de disparo em massa por WhatsApp com fake news.

De acordo com a investigação, Lucilene Gilherme da Silva, esposa de Fábio Freire Coutinho, conhecido como “Fábio Gás” – adversário político de Wilsinho Ribeiro, é proprietária do número de celular com final “84 xxxxx-0472” que está na denúncia judicial. Outra envolvida na ação com lista de transmissão de fake news é Geane Batista da Silva, proprietária da linha telefônica “84 xxxxx-9979”.

A ação denuncia a publicação de um vídeo contendo material inverídico sobre compra de folhas A4 pela Prefeitura de Canguaretama, conforme investigação da juíza Daniela do Nascimento Cosmo, titular da 11ª Zona Eleitoral. O falso conteúdo disseminado por WhatsApp dizia que o "Município de Canguaretama compra mais de R$ 1 milhão em folhas de ofício". A denúncia apontou também que a mesma publicação foi colocada no perfil do Instagram de Vanessa Adelino, que é cunhada do candidato a prefeito Márcio Cabeleireiro, além do perfil @canguaretama_news1.

O falso conteúdo é espalhado por meio de uma lista de transmissão, mas, que subitamente, tem o número de remetente bloqueado logo na sequência, para não haver qualquer réplica ao material. 


Diferentemente do que insinua a fake news, a compra de diversos materiais de expediente, e não somente papel A4, equivale-se ao contexto anual para o fornecimento de itens para todas as secretarias municipais. Segundo o Portal da Transparência do Munícipio, a contratação dos itens de expediente interno não implica em aquisição imediata. Dessa forma, ao longo de 2022, foram adquiridos e pagos R$ 223.449,00, repartidos em todas as secretarias municipais.

O falso vídeo ainda cita uma possível contratação irregular de todo o material por meio da fornecedora Ana Cleide Araújo Pereira LTDA., mas todo o processo foi baseado na modalidade de "Pregão Eletrônico", de forma pública e acessível a toda população.






Notícias mais lidas na semana.

DIRETOR-GERAL DA CÂMARA DE SANTO ANTÔNIO É O ÚNICO SERVIDOR DO RN A RECEBER A MEDALHA TOP LEGISLATIVO 2022

WILSINHO (PTB) É ELEITO PREFEITO DE CANGUARETAMA COM 54,74% DOS VOTOS VÁLIDOS

POPULAÇÃO ELEGE EDNA LEMOS COMO NOVA PREFEITA DE PEDRO VELHO/RN

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%