RN TEM AUMENTO DE MAIS DE 800% NOS CASOS DE DENGUE EM 2022

Imagem
  O Rio Grande do Norte teve um aumento nos casos de dengue, chikungunya e zika neste ano de 2022. Os dados registrados até o dia 22 de outubro, data do último boletim das arboviroses da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), são superiores a todo o ano de 2021. Os casos confirmados de dengue, por exemplo, subiram 830% em comparação com o ano passado. Neste ano, foram confirmados 11.330 casos enquanto em 2021 esse número foi de 1.218.  O número de mortes também cresceu: de  1 para 19 . Em maio deste ano, o RN decretou situação de emergência no estado por conta dos casos elevados de arboviroses. Em agosto, a Sesap chegou a anunciar o fim da epidemia, mas recuou e manteve a situação crítica do quadro no estado. A pasta, inclusive,  fez um novo alerta à população diante da chegada do período epidêmico das arboviroses, compreendido entre novembro e maio , quando as altas temperaturas, combinadas às chuvas aceleram a reprodução do mosquito transmissor, aumentando a disseminação dess

RN É O SEGUNDO DO NORDESTE NO NÚMERO DE TRABALHADORES COM CARTEIRA ASSINADA

 


Divulgada nesta quinta-feira, a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) apontou que o Rio Grande do Norte é o segundo estado da região Nordeste no número de trabalhadores com carteira assinada. O índice de 64,9% só deixa o RN atrás de Pernambuco, que tem 65,9%. Em relação à média nacional, o RN apresenta uma média 8,4% menor, já que a porcentagem de carteiras assinadas chega a 39,4% da população a nível nacional. Os dados da Pnad Contínua, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira 17, também apresentam números relacionados ao trabalho autônomo, informal e à taxa de desemprego.

O RN é o 13º estado brasileiro com 26,1% de trabalhadores autônomos, ficando pouco à frente da média nacional, que é de 25,9%. Além disso, os dados referentes à taxa de trabalhos informais mostram que no terceiro trimestre deste ano o RN está 4,5% acima da média nacional. O estado tem 43,9% de taxa de informalidade e o País tem 39,4%.

Desemprego

O território potiguar está entre as 21 unidades da federação que mantiveram estabilidade na taxa de desemprego no segundo e terceiro trimestre de 2022. Com uma pequena queda de 1,5%, o RN tem hoje 10,5% de desempregados.

Apenas seis Estados tiveram redução considerada significativa pelo IBGE na taxa de desemprego no período: Paraná, Minas Gerais, Maranhão, Acre, Ceará e Rondônia. No terceiro trimestre, as maiores taxas de desocupação foram as da Bahia (15,1%), Pernambuco (13,9%) e Rio de Janeiro (12,3%).

As menores taxas ocorreram em Rondônia (3,9%), Mato Grosso (3,8%) e Santa Catarina (3,8%). Na média nacional, a taxa de desemprego desceu de 9,3% no segundo trimestre para 8,7% no terceiro trimestre deste ano.


Notícias mais lidas na semana.

DIRETOR-GERAL DA CÂMARA DE SANTO ANTÔNIO É O ÚNICO SERVIDOR DO RN A RECEBER A MEDALHA TOP LEGISLATIVO 2022

WILSINHO (PTB) É ELEITO PREFEITO DE CANGUARETAMA COM 54,74% DOS VOTOS VÁLIDOS

POPULAÇÃO ELEGE EDNA LEMOS COMO NOVA PREFEITA DE PEDRO VELHO/RN

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA