OPERAÇÃO DESTRÓI AVIÃO, TRATOR E APREENDE COMBUSTÍVEL DE GARIMPEIROS EM OPERAÇÃO NO TERRITÓRIO YANOMAMI

Imagem
  Divulgação/Ibama :        Em operação de repressão ao garimpo na Terra Indígena Yanomami, a força-tarefa do governo federal destruiu um avião, um trator de esteira e estruturas de apoio logístico ao garimpo na manhã desta quarta-feira (8). A região está em emergência de saúde pública desde o dia 20 de janeiro para atender indígenas da etnia Yanomami. Na ação, o órgão ainda apreendeu duas armas e três barcos com cerca de 5 mil litros de combustível. Foram apreendidos nas embarcações cerca de uma tonelada de alimentos, freezers, geradores e antenas de internet que seriam levadas para os acampamentos garimpeiros. Não há a informação de presos. A operação é realizada em conjunto com o Ibama, a Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) e a Força Nacional de Segurança Pública, que atua desde que o governo federal decretou ação na terra indígena. Nesta quarta-feira (8) a Força Nacional mandou 100 homens ao local, para o reforço na segurança. O grupo deve compor o apoio de segurança na b

BARRAGEM DE LUCRÉCIA NO OESTE POTIGUAR RECEBE NOVAS INTERVENÇÕES

 


As obras na Barragem de Lucrécia, no município de mesmo nome no Oeste Potiguar, seguem em curso e já estão 74% concluídas. A ação do Governo do RN se dá por meio do Projeto Governo Cidadão. Neste mês de janeiro, está sendo recuperada a pavimentação da Avenida Chiquinho Galdino, que vinha sofrendo com o alto impacto causado pelo tráfego intenso de veículos e caçambas. Também foram realizados os serviços de remoção da vegetação ao longo dos maciços, de escavação e do reaterro ao longo da crista do barramento auxiliar (parede auxiliar mais extensa, onde está localizada a comporta) do açude da cidade.

Toda a população foi informada dos serviços, antes de serem iniciados, o que garante maior segurança para quem vive na cidade. Para isso, foi executada uma ação informativa realizada pelas empresas EIT Encalso (executora) e QS Oiticica (Supervisão), com supervisão do setor de Comunicação do Governo Cidadão. Por segurança, toda área está isolada e tem acesso restrito a civis. As obras de recuperação da via terão duração de 45 dias; a remoção da vegetação será finalizada neste mês de janeiro; e com a escavação da crista que já foi concluída, o reaterro desta parte tem a previsão de ser concluído nos primeiros dias de fevereiro.

Ainda como parte das obras da Barragem de Lucrécia, serão realizadas a recomposição da tomada d’água e outros pequenos serviços, como a finalização das calhas. A obra será entregue ainda neste primeiro semestre de 2023. Foram aplicados aproximadamente R$ 13 milhões em todo o serviço, por meio do Projeto Governo Cidadão, com recursos do empréstimo do Executivo estadual junto ao Banco Mundial.

SEGURANÇA
A barragem terá um Plano de Ação de Emergência (PAE) como forma de se adequar ao Plano Nacional de Segurança de Barragens (PNSB). O documento técnico identifica as situações de emergência que podem pôr em risco a barragem, além de estabelecer ações, definindo os entes a serem notificados dessas ocorrências. O PAE é um conjunto de ações físicas e de planejamento prévio – junto aos órgãos competentes – imprescindível para evitar ou minimizar danos com perdas de vida, às propriedades e às comunidades a jusante no caso de um eventual sinistro.

Com este objetivo, a Barragem de Lucrécia receberá um equipamento de sonorização por meio da qual, junto às placas de sinalização, a população poderá ser alertada e direcionada aos pontos de segurança.

Notícias mais lidas na semana.

JOVEM EMPRESÁRIO VEM SENDO LEMBRADO PELA POPULAÇÃO PARA UMA POSSÍVEL CANDIDATURA DE PREFEITO EM SANTO ANTÔNIO

DESASTRE DA GESTÃO MUNICIPAL EM TANGARÁ/RN CAUSA REVOLTA E POPULAÇÃO PROTESTA EM PRAÇA PÚBLICA

NATAL CAP EMITE NOTA DE ESCLARECIMENTO; CONFIRA

Postagens mais visitadas deste blog

PESQUISA BG/CONSULT/BOA SAÚDE/PREFEITO: WELLINGTON TEM 47,25%; E EDICE , 35,5% NA ESTIMULADA

PESQUISA BG/SETA/JUCURUTU/PREFEITO: NA ESPONTÂNEA, IOGO TEM 37,2% E VALDIR TEM 20,9%

PESQUISA BG/AGORASEI/96FM/GOVERNO REJEIÇÃO: FÁTIMA BEZERRA É A MAIS REJEITADA COM 36,4% , SEGUIDA DE GIRÃO COM 25,1%